terça-feira, 30 de junho de 2009

Som da garrafa!

Oi, pessoas!

Vocês já estão de férias? Sexta-feira é nosso último dia na escola! Já estamos combinando várias brincadeiras e muitos passeios pra nos divertirmos em julho! Hoje que é dia de experiência, escolhi um experimento musical que gosto muito de fazer: um instrumento feito com garrafas de vidro! Já brincaram? É bem legal tocar e ouvir um som diferente de cada garrafa!

Pra fazer: a gente precisa de 7 garrafas, isso para tocar com as sete notas, mas se não tiver, a partir de três já é bem legal. Depois é só encher a garrafa com água, a primeira deve estar quase cheia e a última quase vazia (quando a gente não for mais tocar, vou usar pra regar as plantas do bosque).
Como funciona: aprendi que dependendo da quantidade de água, quando a gente bate a colher no vidro, a vibração da água vai produzir um tipo de som. Quanto menos água, mais agudo, mais fininho, porque a água vai vibrar bastante. E quanto maior a quantidade, mais grave, mais forte é o som. Interessante, não é?

Bom, agora com as garrafas cheias, é só colocá-las em linha e pegar uma colher, com ela é que vamos tocar! Prontinho! Vamos testar e começar a produzir som! Funciona! Vou criar uma música e apresentar para a Turma!

Um abração,

Tuca

3 comentários:

  1. Para se criar uma música, é preciso que as garrafas esteja afinadas com as sete notas musicais.

    ResponderExcluir
  2. Mais água, menor a coluna de ar. Menor coluna de ar, som mais agudo.
    Quem vai vibrar de forma significativa, produzindo a nota musical, é a coluna de ar e não a água.
    E mais: uma coisa e a agudez do som (relacionada à frequencia do som), outra é a intensidade (ou força) do som. Cuidado para não confundir

    ResponderExcluir
  3. Qual a relação dessa brincadeira com a física?

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails